sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Relato IV: O Grande Dia... (atualizado com video)

Descemos para a festa e todos nos aguardavam, na verdade as solteironas que estavam na maior ansiedade pelo meu buquê... planejei muitas coisas para a hora do buquê: jogar o buquê miniatura, jogar  verdadeiro, jogar o sapo príncipe... e um milhão de coisas, mas na hora que eu cheguei na festa o fotografo me diz: “ Você já sabe que não vai jogar o buquê neh? “ ( minha cara de surpresa) “ Vamos fazer a dança....” ( lembrei logo do que ele tava falando ( curiosas???), mas depois eu explico.... Fomos para a mesa do bolo e tiramos mais fotos, fotos sozinhos, fotos com padrinhos, fotos com pais, parentes e etc....
Aí o meu cérebro me avisou: ‘ Não esquece da foto com as madrinhas’, mas como eu não comentei nada com o fotografo na hora... não tive a minha tão sonhada foto com as madrinhas ( sabe meninas, as madrinhas todas da mesma cor, com a noiva no meio... meu sonho... mas e daí que não deu, teve tanta foto bonita, que nem faz falta mais).
Foto pra cá, foto pra lá... paradinha para a retrospectiva... meu marido ficou a madrugada toda fazendo, no dia anterior o fotografo que é nosso amigo ligou dizendo que conseguiu o telão sem custo e perguntou se meu marido tinha a retrospectiva, ele falou que faria, e fez uma tão linda que terminou 4:00 da manhã do dia do casamento e acordou 7:00 comigo acreditam... ele nem dormiu na verdade.
Quando eu vi toda a nossa história ali, passada com imagens, toda a barra que ele passou tudo de novo olhei para ele e o vi chorando, é a gente venceu todas as barreiras antes de estar ali, a gente tinha vencido juntos e com Deus a frente... chorei também, e todos os presentes choraram também, cada um que acompanhou nossa históra seja de perto, seja de longe, choraram também. Terminada a retrospectiva aplausos que não paravam mais... e aí todos fizeram uma fila para nos cumprimentar, vieram, nos abraçaram, e sentiram a presença de Deus naquele lugar, não foi só a gente que recebeu a benção, nós partilhamos com todos os que estavam lá.
Algumas pessoas começaram a ir embora, mas antes iam falando com a gente: ‘ Parabéns, mas a gente tem que ir....’ Aí o fotografo nos disse: “O buquê?!?”
Anunciou-se o que as encalhadas de plantão esperavam anciosamente ( brincadirinha, gente...): ‘ Mulherada de plantão, chegou a hora mais esperada a noiva vai jogar o buquê... não, não a noiva não vai jogar o buquê’ Todos se entreolharam, ah? O que? E o fotografo continuou: ‘ Todas vocês vão fazer uma roda, os noivos vão ficar no meio e uma musica vai tocar, quando a musica parar a noiva vai estender o buquê , mas tem um porem a noiva vai estar vendada, e não poderá ouvir a voz nem identificar quem está na frente dela, e é por isso que vocês vão rodar de mão dadas, a noiva vai ser perguntada se quer dar o buquê para a pessoa e ela poderá responder sim ou não’ ( vimos isso num vídeo de casamento que o fotografo nos mostrou na casa dele, amamos e o noivo quis fazer igual, foi ele quem decidiu que seria assim, me pegando de surpresa, mas eu adorei fazer diferente, eu nem gostava das meninas se jogando pra pegar o buquê mesmo, ia acabar virando uma vídeo cassetada. Sou do tipo que conta os mínimos detalhes, para as pessoas sentirem como se tivessem estado lá...espero que esteja dando certo...
Confiram aí embaixo nossa retrospectiva e comentem...

4 comentários:

  1. Que legal essa parte do buquê, nunca vi isso!
    Deve ter sido ótimo!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. ai e tao bom saber sobre o seu grande dia um bjinho!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Bruna, tem selinho pra vc no meu blog.
    Bjinho!

    ResponderExcluir

Posts Recentes